Exposição “Onde os arquivos despertam” apresenta seleção do vasto acervo da Fundação Energia e Saneamento, até 13 de outubro, entrada gratuita

O Museu da Energia de São Paulo, que preserva mais de 260 mil documentos iconográficos a respeito da história da energia no Estado, inaugurou a sua nova exposição temporária, “Onde os arquivos despertam”. A mostra apresenta uma pequena fração do vasto acervo da Fundação Energia e Saneamento, composto por mais de 260 mil materiais iconográficos, 1.600 metros lineares de documentos textuais, entre outros, e que apresentam a história da energia, da industrialização e da urbanização na cidade e no Estado de São Paulo. Além de reunir fotografias, mapas e outros documentos curiosos, a exposição revela os bastidores do dia a dia em um acervo histórico, convidando o público a conhecer o ambiente de trabalho de um arquivo, seus profissionais e as práticas de tratamento e cuidado com os documentos. Leia+Mais→